05/03/2014

Resenha do livro: "Fazendo Meu Filme 4" (e um geral sobre a série)

Como já havia dito para vocês há alguns posts atrás, eu comprei o livro "Fazendo Meu Filme 4" e já tinha lido mais da metade dele. Como as minhas aulas começaram, eu acabei terminando o livro no final de semana. Espero que gostem da resenha. Só não escrevi antes porque fiquei um pouco triste de admitir pra mim mesma que a série tinha terminado, haha.

Para quem ainda não leu, fiz resenha dos três livros anteriores: "Fazendo Meu Filme", "Fazendo Meu Filme 2" e "Fazendo Meu Filme 3".


O livro começa com a Fani, já em Hollywood, cinco anos depois da sua viagem à Los Angeles, vivendo a vida que sempre sonhou. Claro que dessa vez ela não tem o Leo ao seu lado, mas seus amigos Christian, Tracy, Ana Elisa e Alejandro fazem de tudo para que ela sempre sorria. No começo é difícil para Fani esquecer o Leo, mas com o tempo, e de tanto escrever cartas para ele (mesmo não as enviando), ele se torna um personagem na imaginação dela, já que há cinco anos os dois não se falam mais. Só que depois de se formar em Cinema, Fani tem a grande chance de criar e dirigir o seu primeiro filme. E nada melhor do que um filme que contasse sobre a sua própria vida. Apesar de mudar o final da história no roteiro do seu filme, será que Fani terá o mesmo final feliz na sua vida?


O livro inteiro é perfeito, e uma das coisas que mais gostei nessa série foi ter um trecho de um filme no começo de cada capítulo. Por isso separei três trechos que eu mais gostei e decidi compartilhar aqui com vocês.


Como eu amo o filme "Edward Mãos de Tesoura", não pude deixar esse trecho de fora.


A foto não ficou focada, mas adorei a mensagem que esse trecho quis trazer <3.


Agora, uma das coisas que mais gostei nesse último livro, foi o simples fato de ele ter sido dividido em três partes. A primeira é da Fani, a segunda é do Leo, e a terceira é do Leo e da Fani juntos <3. Não preciso nem dizer que enquanto eu estava lendo eu dei uma folheada pelo livro e, quando encontrei a última parte, eu simplesmente delirei né? Não consegui largar o livro por muito tempo. Na verdade eu não consegui largar desde o final da primeira parte. Leiam para descobrir, hehehe.


Não preciso nem dizer que o livro me hipnotizou nas 608 páginas, né? Pode até parecer um livro cansativo, mas a leitura é tão rápida que eu me senti um pouco sozinha quando terminei de ler. Tinha me apegado tanto aos personagens que agora parece que eu perdi uma parte de mim. Sério.

Espero um dia encontrar a Paula Pimenta e agradecer por todas essas histórias incríveis que li nos últimos meses. Ah, como eu fiquei curiosa para ler os livros da série "Minha Vida Fora de Série", ganhei no final de semana do meu pai o primeiro livro. Já terminei de ler hoje, então pretendo postar a resenha em breve. Aguardem, hehe.

Agora um geral sobre a série...


Desde o primeiro livro, não consegui largar a história. Mesmo a Fani sendo aquela garota meio infantil no primeiro livro, aos poucos ela amadureceu e se mostrou uma garota muito madura para a idade dela. Tanto as amigas dela quanto a família sempre quiseram o bem dela, e sempre a faziam sorrir. Quando conheci o Leo na história, e descobri que ele era apaixonado pela Fani há um bom tempo, eu não tive dúvidas que iria sonhar com um garoto como ele. Fofo, romântico, educado, inteligente, bonito... São tantas qualidades que ele se torna o garoto dos sonhos, apesar do ciúmes. Torci durante a série inteira para os dois ficarem juntos, e quando isso acontecia eu só saía sorrindo por aí. Mas sempre tinha algum obstáculo que os separavam, o que me deixava triste na hora. Foram poucos os personagens que eu não gostei, tipo a Vanessa (já disse que não curti esse nome pra ela?) e a Meredith. Fora isso, todos foram criados com tanto carinho que eu gostaria muito de fazer parte da vida da Fani. Quando todos os lugares da Califórnia aos quais eu visitei foram bem detalhados no último livro, admito que a vontade de chorar de tanta saudade foi imensa. Espero um dia voltar para lá e passear por todos os lugares que a Fani passeou.

Agora eu me pergunto se eu realmente tenho um livro favorito dessa série. Amei todos eles, mas admito que o último tem o cenário perfeito, personagens mais perfeitos ainda e acontecimentos que me deixaram sem ar. Por isso, o meu preferido é o último.

Paula Pimenta, você me surpreendeu!

Espero que tenham gostado da resenha. Comentem, e até a próxima. Ah, e não esqueçam: se encontrarem um Leo na rua, me avisem que estou à procura de um, haha. Beijos!

Nenhum comentário:

Postar um comentário