30/03/2014

Amar no gerúndio


Amo o seu cheiro. O jeito que você me olha, e até o jeito que você se veste. Mesmo quando seus problemas pesam de um lado, eu sempre estou lá para o segurar do outro. Você me protege da solidão, e torna os meus dias mais bonitos. Amo as histórias que você me conta, o seu cabelo que muda a cada semana, e o seu jeito tão doce de me tratar. Fico paralisada quando o toco e isso me faz sorrir. Não consigo parar de pensar em você nem por um minuto. Faço tudo muito rápido só para poder vê-lo no final da tarde. Não consigo o largar por nada. Quando você olha para mim, horas tornam-se segundos. E, apesar de ser feito de papel e eu ter de um a três a cada semana, eu o amo. Ainda bem que eu não o amo no singular. Livros, obrigada por me tornarem uma pessoa melhor a cada página virada. Porque eu os amo no particípio, no infinitivo, e principalmente, no gerúndio. Estou os amando, e isso não terá fim.

Vanessa Esteves
0

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Copyright 2015 - Esteves Where - Todos os direitos reservados.