29/12/2013

Resenha do livro: A Probabilidade Estatística do Amor à Primeira Vista

Olá, pessoal! Fiquei algum tempo sem postar no blog e até esqueci de desejar um feliz Natal para vocês. Então, para me desculpar por esse "sumiço", pretendo postar pelo menos todo dia até o final do ano. Ah, e lembrando que no dia 31 postarei uma resenha do livro que a Carol me indicou, do nosso projeto "Último Livro do Ano Velho".

Sei que o nome do livro pode até dar medo de tão gigante que é, mas espero que vocês gostem da resenha e, se lerem o livro, que gostem dele tanto quanto eu gostei, hehe.


"A Probabilidade Estatística do Amor à Primeira Vista" conta a história de Hadley, uma garota de 17 anos que, através da insistência da mãe, viaja a Londres para o casamento de seu pai com outra mulher. Só que Hadley acaba perdendo o voo por míseros quatro minutos de atraso (ênfase nos quatro minutos). Para muitos isso seria o fim do mundo, mas como Hadley não quer ver seu pai casar, ela até fica feliz com o atraso. Além disso, sua vida muda completamente quando conhece Oliver no aeroporto. Ele a ajuda com a mala e os dois conversam durante o voo inteiro. Depois de vinte e quatro horas, os dois seguem seus caminhos. Qual será a probabilidade de os dois terem se apaixonado à primeira vista?


Apesar do livro apresentar um romance, o foco não é só nisso, pois também mostra a relação difícil que a Hadley tem com o pai, já que ele esteve ausente durante um bom tempo. Claro que esperei pelo momento em que Hadley e Oliver se reencontrariam, mas também me emocionei muito com a história dela com o pai.


O livro é muito fofo, mas não meloso o tempo todo, já que tem um contraste com a relação do casamento do pai de Hadley.

Oliver é um garoto britânico super cavaleiro e engraçado, e acredito que falta muitos garotos como ele por aí. Tudo bem que ser britânico dá um charme a ele, mas só de ter feito Hadley rir e olhar para ela de um jeito diferente, ele vale mesmo a pena.

Consegui lê-lo em dois dias, já que tem menos de 300 páginas, mas acredito que muitos conseguem bem menos, já que não passei o meu tempo inteiro em cima dele. Espero que tenham gostado da resenha. Comentem! Beijos e até a próxima.
0

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Copyright 2015 - Esteves Where - Todos os direitos reservados.