05/11/2013

Vida inapagável


São sonhos tão grandes que penso em como eles podem caber na minha mão. Tenho tanto medo de perdê-los que preciso agarrá-los como se fossem minha última chance de viver. Talvez só assim eu consiga encontrar uma boa razão para continuar em frente, independente das pessoas que não acreditam que sou capaz. Pois certa vez alguém me disse para não desistir dos meus sonhos, porque mesmo parecendo surreais, eles podem sim se realizar. 
Só espero que o mundo não me mostre o quão assustador ele pode ser, porque sei que essa é a minha batalha, podendo haver sofrimento, mas também muita alegria. Essa é a minha única chance. Essa é a minha vida. E espero não desistir dela tão facilmente.

Vanessa Esteves

Nenhum comentário:

Postar um comentário