03/03/2015

A pessoa errada que seja a certa

(WeHeartIt)

Eu sempre escolho as pessoas erradas.
A pessoa que não liga quando pede meu celular.
A pessoa que conversa comigo com poucas palavras.
A pessoa que não quer se arriscar.
A pessoa que não pergunta como estou.
A pessoa que faz de tudo para me deixar triste.
A pessoa que não se importa em como foi meu dia.
A pessoa que não consegue ser fiel.
A pessoa que não entrelaça suas mãos às minhas.
A pessoa que me beija pensando em outra.
A pessoa que não conversa comigo olhando nos meus olhos.
A pessoa que finge sorrir.
A pessoa que não demonstra o que sente.
A pessoa que sempre adia um encontro.
A pessoa que não acredita nos meus sonhos.
A pessoa que me abraça por pouco tempo.
A pessoa que não entende meus pensamentos.
A pessoa que não perde as palavras quando me vê.
A pessoa que não tem medo de me perder.
A pessoa que não me apresenta à família.
A pessoa que não fala de mim aos amigos.
A pessoa que não quer sair sem destino ao meu lado.
A pessoa que sempre tem desculpas.
A pessoa que tem vergonha de andar de mãos dadas comigo.
A pessoa que não gosta dos meus textos.
A pessoa que não me acorda com uma mensagem de bom dia.
A pessoa que me deixa sempre para depois.
A pessoa que quer sempre mudar algo em mim.
A pessoa que não aceita como sou.
A pessoa que não entende o quanto eu acredito no amor.
Durante todos esses anos, me apeguei a essas pessoas erradas, pois acreditava que um dia elas poderiam se tornar as pessoas certas. Mas de nada adianta eu querer que algo dê certo se a outra pessoa não quer. Porque relacionamentos consistem no envolvimento de duas pessoas, e eu sempre fui a única que não recebia reciprocidade. No meio de tantos desencontros, eu ainda tenho esperança, nesse meu coração do tamanho do mundo, que algum dia a pessoa que irá balançar o meu chão não terá vontade de sair do caos que ela criou. Porque ela, diferente de todas as outras, terá a coragem de enfrentar os desafios que o amor proporciona. Só me resta escolher a pessoa errada que seja a certa no meio de todas essas escolhas.

Vanessa Esteves

[Escrito às 10:51 do dia 03 de março de 2015.]
0

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Copyright 2015 - Esteves Where - Todos os direitos reservados.