19/02/2015

Por que continuar se iludindo então?

(WeHeartIt)

A gente acaba perdendo a esperança. Porque sabe que ficar se iludindo não vai levá-lo a nada. Tanto tempo de espera, tanto medo de tomar uma iniciativa, tantos pensamentos errados. Como se não bastasse uma vida imprevisível, ainda é preciso suportar relacionamentos que não sabemos aonde vão chegar. Se dá vontade de dizer a verdade? Sim. Mas a gente sabe que palavras ferem, ainda mais que atos.
Então porque a gente continua se iludindo? Porque os humanos, mesmo não admitindo a si próprios, sentem a necessidade de ter alguém que se importa com eles. Aliás, essa necessidade cresce a cada dia, pois a simples pergunta “tudo bem?” não é mais feita tão frequentemente. E quando o é, geralmente é mascarada com uma falta de interesse. É por isso que nos iludimos mais fácil por aqueles que nos fazem essa pergunta e se mostram interessados.
A nossa rotina já é desgastante, então, quando encontramos um pequeno refúgio em alguém, já queremos instantaneamente a prova de que essa pessoa nos ama. As conversas passam a serem frequentes, os sorrisos ficam mais tímidos e os nossos pensamentos sempre param na pessoa com quem conversamos. É difícil dormir quando queremos explodir de felicidade.
Só que com o tempo nós percebemos que não é bem assim. Existem pessoas e pessoas. Dentre elas, há as que só querem nos iludir. É difícil imaginar que tais pessoas não tenham a capacidade de dizer a verdade de uma vez por todas. Sério, qual a dificuldade em demonstrarem que não há futuro em algo que colocamos tanta esperança?
Mas ainda assim continuamos nos iludindo. Porque queremos sempre o inalcançável e o que parece certo no momento. Se quebraremos a cara e o coração depois? Talvez, mas acho que vale a pena correr os riscos. Porque é só assim que descobriremos por quais ilusões o esforço valeu a pena.

Vanessa Esteves

[Escrito às 00:47 do dia 18 de fevereiro de 2015.]

Nenhum comentário:

Postar um comentário