20/01/2015

Montanha-russa que só irá para cima


Estou numa montanha-russa. Como as outras, essa faz eu sentir um frio na barriga, mas dessa vez não tenho medo de cair. Jogo minhas mãos para o alto e sinto o vento batendo, meu corpo querendo sair do assento e meu coração não parando de palpitar. Não consigo parar de gritar e sorrir, mesmo passando pelas descidas mais baixas. É tanta sensação misturada que é impossível descrever. 
Daqui eu consigo ver o céu imenso, o que nunca havia visto antes. Daqui eu consigo ser feliz. E mesmo que o trajeto já esteja acabando, não consigo tirar o sorriso de meu rosto, pois agora sei que daqui pra frente tudo será diferente. Tudo será, enfim, melhor.
E só espero que eu tenha sempre essas sensações comigo, esse frio na barriga sempre que for arriscar e esses lábios esticados, olhos fechados e bochechas infladas sempre que algo der certo. Mas também não importa se algo der errado, pois saberei que, pelo menos, tentei. Agora vem a dúvida: quer dar mais uma volta comigo?

Vanessa Esteves

[Escrito às 01:39 do dia 20 de janeiro de 2015.]
0

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Copyright 2015 - Esteves Where - Todos os direitos reservados.