05/09/2014

Tempo para mim


Enquanto lia uma crônica que minha amiga tinha escrito para o curso que ela faz, percebi nas entrelinhas algo que eu estava escondendo para mim mesma. O texto falava sobre trabalhar por prazer ou apenas por dinheiro, mas quando começou a comparar com um relacionamento, parecia que só estávamos eu e o texto ali, um de frente para o outro.
Ao passo em que eu escondia de mim mesma algo que estava em evidência, o texto jogou diretamente no meu rosto o seguinte balde de água fria: um relacionamento só é bom quando você está ao lado de alguém "sem motivos", e não porque precisa suprir suas necessidades.
Tudo bem, eu entendo que queremos ter uma pessoa conosco para viver momentos únicos junto com ela, mas de que adianta isso se não somos uma pessoa completa? Deve-se, em primeiro lugar, amar a si próprio, em todos os graus possíveis. Depois, então, é que conseguiremos amar outra pessoa.
Não haverá relacionamento melhor do que aquele em que a cumplicidade vem em primeiro lugar, muito antes de suprir carência, solidão ou tristeza. É sério, não adianta nada querer alguém do seu lado se você só pensa no seu próprio bem.
Um relacionamento existe somente quando abrimos mãos de algumas coisas e a outra pessoa faz o mesmo. Ou seja, tem de haver uma reciprocidade. Se não houver, lamento, pois seu relacionamento é uma farsa. E é por isso que é sempre melhor terminar com algo assim do que continuar infeliz numa situação.
Para finalizar, após pensar sobre aquela parte do texto, descobri que o que estava imaginando ser não é amor, apenas uma vontade de ter alguém que se importe contigo - algo que eu não tinha há algum tempo. Por isso concluí que, mais do que nunca, preciso de tempo para mim mesma, tanto para me conhecer melhor quanto para me amar cada vez mais. É isso, esse é o meu objetivo do momento.

Vanessa Esteves
2

2 comentários:

  1. Texto lindo! Sabe, venho sempre ler suas crônicas e seu jeito de escrever me lembra muito de quando era eu quem fazia isso. Escrever é mesmo como a bio do seu twitter diz: "um dos melhores remédios que existe" e fico feliz por poder acompanhar seus desabafos e devaneios no blog, parabéns e todo sucesso! :3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, fico MUITO feliz em receber elogios assim. Mas por que você parou de escrever? É, sim, um dos melhores remédios que existe, é tão libertador... Obrigada mais uma vez, venha sempre comentar, hehe. Beijos!

      Excluir

Copyright 2015 - Esteves Where - Todos os direitos reservados.